Início Início Sinpol declara apoio ao trabalho do senador Ronaldo Caiado

Sinpol declara apoio ao trabalho do senador Ronaldo Caiado

19
0
COMPARTILHAR

Representantes do Sindicato dos Policiais Civis de Goiás (Sinpol) se reuniram com o senador Ronaldo Caiado (Democratas) para falar sobre a desvalorização da classe e manifestar confiança no trabalho do parlamentar em favor da segurança pública.

Presidente do Sinpol, Paulo Sérgio Alves de Araújo relatou que o quadro da polícia civil está defasado e a perspectiva é de piora nos próximos anos, com o intento do governador Marconi Perillo (PSDB) de promover um concurso público com salário de R$ 1,5 mil para agentes.

Segundo relatou, este valor é metade do menor salário praticado na categoria em todo o Brasil. Além disso, com o período probatório de quatro anos estabelecido recentemente, o salário será mantido pelo período, estimulando a desistência de muitos concursados.

“Este é o ‘incentivo’ que o governador quer dar para o policial. O salário é absurdo, o cargo inconstitucional e dessa forma nenhum policial vai permanecer na carreira. Do último concurso para cá, com salário de 4 mil, o índice de saída de policiais já foi de 50%. Imagine com salário de R$ 1,5 mil”, criticou.

Na avaliação de Paulo Sérgio, o policial civil hoje padece de desprezo por parte do governo. Por esta razão, o Sinpol tem se declarado oposição ao governador. “Não é uma posição partidária. Defendemos o interesse dos policiais, que nos pediram que estivéssemos aqui hoje para falar com o senhor para dizer que apoiamos seu projeto futuro, na esperança de que seja mais sensível à segurança pública que o atual governador”, disse.

O senador agradeceu o tratamento diferenciado que sempre recebeu de representantes da segurança pública e assegurou que a área sempre será uma das prioridades em seu trabalho. “Hoje o que mais me revolta é a situação em que a segurança se encontra. Quero ter a honra de sempre ter a polícia ao meu lado. Acredito que precisamos resgatar a autoestima do goiano em relação à segurança, com transparência e lealdade”, disse.

Sobre a disposição do democrata para o diálogo, Paulo Sérgio disse se mostrar confiante. “O atual governo dá uma ideia de falta de recursos para a polícia porque gasta muito e mal. Se o senhor tem compromisso com o bom gasto confio que saberá valorizar os policiais quando tiver uma oportunidade”, assegurou. Além de Paulo Sérgio, vieram a vice-presidente Eliete de Sousa e os diretores do Sinpol Henrique Araújo, Bruno Naciff e Marcelo Mariane.

Fonte: Assessoria Senador Ronaldo Caiado

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here